Silvio Guerini

Não existe outro hoje senão o agora!

Textos


Nem que seja mais uma vez...


Preciso de ti que seja uma gota
no meu ar preciso teu cheiro
e mesmo com a alma rota
duma loucura que quase beiro
preciso de ti que seja um pedaço
na minha boca preciso teu gosto
no peito o quente do teu abraço
nos olhos a luz que emoldurava teu rosto
preciso de ti que seja uma parte
nas minhas mãos preciso teu calor
e que dele meu desejo se farte
embriagado do teu doce amor
preciso de ti só mais uma vez
no meu coração preciso do teu
batendo em compasso... quem sabe talvez
com aquilo que restou do meu


8 de maio de 2007, 21h09
guerinis@uol.com.br

Silvio Guerini
Enviado por Silvio Guerini em 10/12/2007
Alterado em 10/12/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e link para o site www.silvioguerini.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras